Cultura


Voltar

02/11/2014

Mercado Municipal

O Mercado Municipal, situado a Praça Barão do Rio Branco, imponente construção de nossa cidade, que já foi palco de muitos acontecimentos rio-pardenses.

Construído pelo Prefeito José Pereira Martins de Andrade, sua inauguração se deu no dia 10 de janeiro de 1926, depois de muitas reivindicações da população que reclamava a construção de um local apropriado para abrigar os feirantes e ambulantes, que nessa época invadiam a atual Praça Capitão Vicente Dias. A construção do Mercado encontrou forte oposição por muitos acharem que a praça escolhida, sendo vizinha à Escola "Dr. Cândido Rodrigues”, não era um local apropriado para esse tipo de estabelecimento.

O espaço ao se redor serviu como área de instalação para circos e parques de diversão, e também para realizações de comícios e festas cívicas. O terraço que circundava sua construção original foi usado muitas vezes como palanque para comícios políticos e até pelo padre que dele se utilizava para sua pregação ao final da procissão do encontro na Sexta-Feira Santa.

Muitos anos se passaram depois de sua inauguração e muitas reformas o Mercado sofreu durante esse período como a de 1951 que sob muitas críticas ampliou seu espaço interno retirando o terraço à sua volta; a de 1952 que ajardinou a praça ao seu redor; a da década de 70 que reparou o telhado, trocou o piso e pintou o prédio interna e externamente e a última no final dos anos 90 que reformou os banheiros, a iluminação da praça e pintou todo o prédio.

Os feirantes foram retirados do prédio e instalados nas feira do produtor. O prédio e a praça passaram por uma nova reforma e recebeu o título de Mercado Cultural, pois agora é usado para exposições, apresentações artísticas e eventos culturais, e a sua praça poderá  servir para a realização de eventos.